17 Lugares encantadores no mundo para quem está cansado do agito das grandes cidades

Posted on

Existem muitos lugares perfeitos para uma viagem ou até mesmo para morar, para quem gosta de sossego. Grande parte deles não é tão conhecida, e talvez seja por isso que ainda são lugares tão tranquilos e conservados, que parecem ter saído de contos de fadas.

Veja abaixo 17 lugares que, com sua rica natureza, distância dos centros caóticos das cidades e arquitetura peculiar, são considerados verdadeiros pedacinhos do paraíso.

1 – Giethoorn, Holanda

Também conhecida como Veneza holandesa, já que fica em canais de água, é uma das aldeias mais incríveis da Holanda. O local tem quase 100 anos de idade, é formado por cerca de 50 pequenas ilhas e a sua população é de pouco menos de 3000 habitantes. Os meios de transporte por lá são os barcos para, se deslocar na água, e bicicletas, para se deslocar nas pontes de madeira que conectam as casas.

2 – Bibury, Inglaterra

Conhecida como a vila mais bonita da Inglaterra, Bibury é famosa entre as pessoas que procuram tranquilidade e um lugar especial para conhecer. Foi fundada no século XVII,  e chama atenção por sua arquitetura antiga e falta de qualquer tipo de veículo. O filme “O Diário de Bridget Jones” foi filmado lá.

3 – Marsaxlokk, Malta

Marsaxlokk é uma colorida vila de pescadores na ilha de Malta. Não há tormentas no local, e é por isso que as casas feitas de arenito amarelo ficam tão perto da água, deixando apenas duas pistas – uma para o tráfego de carros e outra para pedestres. A população, de cerca de 3.000 pessoas, é formada principalmente por pescadores.

4 – Simiane-la-Rotonde, França

É uma comuna francesa, repleta de campos de lavanda, montanhas, pratos mediterrâneos e festivais de verão, sendo um destino perfeito de viagem para quem procura lugares mais tranquilos e não muito cheios. Uma das principais atrações do lugar é o castelo Agoult, construído no século XII. Em 2010, o número estimado de habitantes era de apenas 584.

5 – Monsanto, Portugal

É conhecida como a “Aldeia mais Portuguesa de Portugal”. Um provérbio famoso do local é: “em Monsanto, nunca se sabe se a casa nasce da pedra ou se a pedra nasce da casa”. Isso por que a arquitetura local possui muitas pedras, que estão nas paredes e telhados das casas. Até mesmo as ruas estreitas parecem ter sido esculpidas em pedra.

6 – San Gimignano, Itália

San Gimignano foi fundada no século III antes de Cristo pelos povos etruscos. Era uma minúscula aldeia, tendo se tornado uma cidade com o passar do tempo. Porém, ainda hoje conserva seu espírito medieval e suas famosas torres.

7 – Reine Lofoten, Noruega

É uma vila de pescadores com cerca de apenas 350 habitantes. O local possui paisagens surreais e casas coloniais acolhedoras embaixo das montanhas. A aldeia atrai milhares de turistas de vários países do mundo todos os anos, para admirar a beleza natural do lugar.

8 – Uros – Ilhas flutuantes do lago Titicaca, Fronteira ente Bolívia e Peru

Uma tribo chamada Uru vive na fronteira entre Peru e Bolívia, no lago Titicaca, espalhada em 42 ilhas flutuantes localizadas no lago. A própria tribo construiu as ilhas, que são feitas de totora, o mesmo material dos barcos usados para pescar.

9 – Hallstatt, Áustria

Hallstatt é um dos lugares mais bonitos da Áustria. No local há belas casas rústicas cercadas por um lago azul que é o lar de cisnes. Hallstatte também é cercada por alpes cobertos de neve, sendo um lugar incrível e indispensável num roteiro de viagens.

10 – Üçhisar, Turquia

Uchisar é uma das cidades mais povoadas da região da Capadócia. A maior parte da população vive no povoado, próxima às falésias, mas há pessoas que moram dentro das próprias rochas. O alojamento dentro da rocha mais alta oferece uma vista incrível da cidade.

11 – Alberobello, Itália

Alberobello é uma vila italiana da região da Puglia, província de Bari, com cerca de 10.855 habitantes. É famosa por seu complexo composto por 1400 edifícios trulli – construções de telhado cônico características daquela região – que são reconhecidos pela UNESCO como parte do patrimônio histórico e humanitário, desde 1996.

12 – Vila de Pescadores em Kaliningrado, Rússia

A vila de pescadores em Kaliningrado é um centro etnográfico, comercial e artesanal, muito voltada também para o turismo. Territorialmente, a Aldeia Pescaria está localizada ao lado da Catedral da ilha de Kant – coração histórico de Kaliningrado.

13 – Longji, China

Os chineses consideram os Terraços de arroz Longji como os mais bonitos do país, e por trás deles estão muitos anos de trabalho. Eles existem desde o século XII, foram construídos nas encostas de montanhas e estão a uma altitude de 1.100 metros.

14 – Vila Flutuante Cua Van, Vietnã

É uma das maiores vilas de pescadores do mundo, e só é possível chegar de barco. Apenas pescadores vivem nesta linda aldeia de casinhas coloridas, que fica na baía de Halong.

15 – Gasaladur, Ilhas Faroé, Dinamarca

A Dinamarca é um local fantástico para se visitar. O povoado de Gasadalur fica em um vale entre falésias na ilha de Vagar, que pertence às Ilhas Faroe. Em 2002, a população era de apenas 16 pessoas, e era muito difícil chegar ao povoado. Dois anos depois, foi construído um túnel para facilitar a chegada das pessoas, o que aumentou o turismo na região.

16 – Pariangan, Indonésia

Pariangan é um dos povoados mais antigos da Indonésia, o que atrai muitos turistas que querem pesquisar sobre sua cultura e costumes. O vulcão ativo Merapi que está acima do povoado é um dos monumentos naturais mais importantes do país.

17 – Vila do Arco-íris, Taichung, Taiwan

Nos arredores da cidade de Taichung, havia um assentamento militar que eventualmente foi deixado por quase todos os seus habitantes. As autoridades decidiram demolir as casas, mas um veterano de guerra de 86 anos pintou as paredes das casas com diferentes personagens e padrões para salvar sua casa, dando vida à aldeia novamente. Hoje, o local é um dos destinos turísticos mais visitados em Taiwan.

Fonte: Bright Side

Gostou? Deixe seu comentário :)