Como os padrões de beleza masculina mudaram nos últimos 120 anos

Posted on

Ao longo dos anos, o conceito de beleza, tanto masculino quanto feminino, muda bastante. É comum pensarmos que os homens não se importam tanto com a sua aparência, mas muitos deles gostam de se cuidar, tanto quanto as mulheres. Eles se preocupam com o peso, o cabelo, a barba e outros detalhes. Veja abaixo como o conceito de beleza masculina mudou nos últimos 120 anos.

1 – Década de 1900: bigode e o culto ao corpo musculoso

Para ser considerado atraente no início do século XX, um homem deveria ser forte, alto, com ombros largos e músculos bem desenvolvidos. Também deveria usar calças justas, e o bigode era fundamental: ele era tão bem cuidado quanto os cabelos. Os homens usavam ternos elegantes com gravatas e colarinhos tão apertados que marcavam o pescoço.

2 – Década de 1910: melancolia e palidez

Os homens pálidos e com expressão melancólica começaram a fazer mais sucesso que os homens fortes. Nesse período a magreza, os dedos finos, o olhar caído e o descuido com as roupas eram tendência. O bigode se manteve presente, mas agora os cabelos eram extremamente bem penteados e com aparência de “lambidos”.

3 – Década de 1920: jazz e bons modos

Nessa época faziam sucesso o jazz e o cinema, que estava em seu auge. As estrelas do cinema mudo, Rodolfo Valentino, Ronald Colman e Ivor Novello, tornaram-se os homens perfeitos do seu tempo.

Naquela época, um homem atraente tinha que ser não apenas bonito, mas também educado, com boas maneiras. O visual era geralmente composto por rosto oval, cabelo muito bem penteado, barba curta e sobrancelhas escuras. Os homens costumavam usar calças curtas no mesmo estilo dos jogadores de golfe.

4 – Década de 1930: entusiasmo e ombros largos

O homem dessa década fazia o estilo aventureiro, e as referências de homem bonito eram Gary Cooper e Clark Gable. Quase todo homem usava um bigode no estilo de Clark Gable. O visual era complementado por chapéus trilby e sapatos oxford. Os homens geralmente tinham um estilo mais despojado e músculos desenvolvidos.

5 – Década de 1940: homem forte e uniforme militar

A Segunda Guerra Mundial introduziu seu próprio estilo no mundo da beleza masculina. Os ternos foram substituídos por uniformes militares. O homem perfeito dos anos 40 é um homem corajoso e multifacetado, de cabelos curtos, forte, atlético e com a barba feita.

6 – Década de 1950: rebeldia e rockabilly

Os homens dessa época tinham um estilo um tanto rebelde. O casaco de couro fazia sucesso, as gravatas desaparecem e deram espaço às bijuterias. A tendência de penteado era o topete de Elvis Presley ou repartido de lado. Ombros fortes, maxilar definido e um aspecto pálido como Marlon Brando ou James Dean faziam parte do visual na época.

7 – Década de 1960: juventude e Beatles

Esse período foi marcado pelo sucesso dos Beatles, e muitos homens se inspiravam no visual deles. Os ternos foram substituídos por camisas coloridas, gola alta preta, jeans e calça de veludo. Devido aos protestos massivos dos estudantes, um novo ideal masculino foi formado: um estudante magro, com olhos claros e traços faciais jovens. As mulheres estavam apaixonadas por Alain Delon, e os homens copiavam seu olhar característico e as sobrancelhas franzidas.

8 – Década de 1970: rock e hippies

Nesse período, predominavam os estilos hippie, do rock psicodélico e da negação do materialismo. Os homens deixaram os cabelos crescer, pararam de penteá-los e de fazer a barba. O ícone do estilo era Jim Morrison, o vocalista do The Doors. Calças largas, camisas coloridas com babados e botas de salto alto estavam na moda.

9 – Década de 1980: músculos e saúde

Os roqueiros despenteados são substituídos pelos homens atléticos e fortes. Arnold Schwarzenegger estabelece o fisiculturismo como uma tendência, fazendo com que o alcoolismo e tabagismo saiam de moda e com que os homens passem a cuidar mais do corpo, frequentando academias. Os cabelos compridos foram substituídos por barba feita e cabelo curto. O homem dos anos 1980 é um jovem inteligente, confiante e obcecado por sua vida profissional.

10 – Década de 1990: grunge e estilo descuidado

Roupas desleixadas, barbas e cabelos bagunçados eram tendência entre os homens. Eles usavam camisas largas e jeans rasgados. Os símbolos sexuais dos anos 1990 são Kurt Cobain e Johnny Depp.

11 – Década de 2000: metrossexualidade e redefinição de conceito

No início dos anos 2000, o homem perfeito era um metrossexual de corpo atlético, com músculos, muitas tatuagens e um rosto bonito. Os homens começaram a se cuidar bastante, visitando salões de beleza e academias. Roupas justas voltaram a fazer parte do vestuário masculino.

12 – Década de 2010: hipsters e inteligência

Barba por fazer, camisas xadrez e tatuagens são os principais atributos de qualquer hipster de 2010. O bigode e a barba estão de volta à moda. O período é marcado por homens intelectuais, que gostam de ler, manter-se atualizados sobre as últimas notícias culturais, visitar exposições, assistir a filmes e acompanhar cuidadosamente suas contas nas redes sociais.

Fonte: Genial Guru

Gostou? Deixe seu comentário :)